quinta-feira, 29 de setembro de 2016

Imagens da Missa em Ação de Graças pelos 90 de Monsenhor Pinto, na cidade de Angicos

Fiéis de Angicos e Fernando Pedroza (RN) lotaram a Igreja Matriz de São José dos Angicos, na segunda-feira (26), para celebrar os 90 anos de vida do Monsenhor Francisco das Chagas Pereira Pinto.
Em um clima de festa e muita alegria, a comunidade católica acompanhou Santa Missa em Ação de Graças celebrada em agradecimento a Deus pela passagem desta data especial. O próprio Pe. Emérito teve a honra e o privilegio de Presidir a Celebração Eucarística, concedido pelo Presidente da Celebração, Dom Jaime Vieira Rocha, Arcebispo Metropolitano de Natal.

 A Missa em Ação de Graças foi concelebrada pelo Arcebispo Metropolitano Dom Jaime, e pelo Arcebispo Emérito Diocesano, Dom Matias Patrício de Macedo, e contou com o auxílio do Padre da Paróquia de São José dos Angicos, Severino Neto, Padre Pedro e do Vigário paroquial, Gilmar Pereira. Padres de várias partes do Estado entre estes o Pe.Josino Raimundo aqui de Santana do Matos estiveram prestigiando o momento. Amado pelos fieis, Monsenhor Pinto nasceu na Fazenda São Francisco, município de Gaspar Lopes, hoje, Pedro Avelino (RN).


Sucinta Biografia:


Nascido dia 26 de setembro de 1926, Francisco das Chagas Pereira Pinto, Filho de Francisco Horácio Pereira Pinto e Anna Amélia Pereira Pinto, foi nomeado em julho de 1959, vigário da Paróquia de São José dos Angicos (RN), pelo então Papa João XXIII, substituindo o Pe. Manoel Tavares de Araújo, que no momento deixava a paróquia de São José dos Angicos para ser bispo da Diocese de Caicó.
Em 19 de agosto de 2000, Monsenhor recebeu o título de Mons. Outorgado pelo então Papa João Paulo II. Aos 90 anos de idade, 60 anos dedicado à vida sacerdotal e apostólica, Mons. Pinto passou mais de 50 anos dedicados à paróquia de São José dos Angicos.

Em 04 de agosto de 2008, passou a administração da paróquia ao Revm.° Vigário Administrativo o Pe. Vicente Fernandes Neto, tornando-se assim Pároco Emérito da Paróquia de São José dos Angicos.
No dia 20 de dezembro de 2008 recebeu o Título de Cidadão Fernandopedrozense pelo então vereador Magnos Alves Batista. Foi digno do reconhecimento do povo Pedrozense como servo de Deus, pela sua grandeza espiritual transmitida aos fiéis e conterrâneos ao longo desta jornada.

Dom Jaime Vieira Rocha ressaltou a bela trajetória sacerdotal do mons. Pinto, e, disse que o gesto é louvável e digno, diante dos grandes serviços prestados ao Reino de Deus, sempre com zelo e amor. Dom Jaime, elucidou que, o mons. é um dos únicos sacerdotes do estado nomeado por através de Bula Papal pelo próprio Papa João XXIII. Mons. Pinto foi nomeado Pároco apostólico visto que foi nomeado pelo Papa.

Desejamos ao Mosenhor Pinto, muitos e muitos anos de vida, repletos de felicidade e amor. Parabéns!
Informações: Angicos Notícias 
Fotos: Claudinho Fotografia 

Arcebispo anuncia transferência de padres na região metropolitana de Natal e interior

O Arcebispo Metropolitano, Dom Jaime Vieira Rocha, anunciou, nesta semana, a transferência de cinco padres. O Padre Marcondes Eduardo Alexandre, até então vigário paroquial em Santa Cruz, foi transferido para a Paróquia de Santana e São Joaquim, em São José de Mipibu. Ele será apresentado à comunidade nesta sexta-feira, 30, às 19h, por ocasião da posso do novo pároco, Padre José Lenilson de Morais. Padre Marcondes será vigário paroquial. Para sucedê-lo em Santa Cruz, foi nomeado o Padre Gerônimo Dantas Pereira, que assumirá a missão dia 8 de outubro.
O Padre Antônio Roberto Gomes sai da Paróquia da Imaculada Conceição, em Nova Cruz, para ser vigário paroquial de Nossa Senhora da Conceição, em Macaíba, com chegada marcada para o dia 9 de outubro. O Diácono Alexandre Rossino do Nascimento Oliveira, que faz estágio pastoral em São Gonçalo do Amarante, foi transferido para Nova Cruz.
E o Padre João Maria Dias, até então vigário paroquial de Nossa Senhora Mãe dos Homens, em João Câmara, foi transferido para a Paróquia de São Gonçalo do Amarante. Lá, ele também assumirá a função de vigário paroquial. A apresentação à comunidade será dia 9 de outubro.


Boris Casoy deixa a Bandeirantes e acerta com a Rede TV!

Após quase nove anos na emissora, Boris Casoy deixará a Rede Bandeirantes e irá para a RedeTV!. O contrato do jornalista vence nesta sexta-feira (30) e não será renovado por desejo dele.
Boris decidiu deixar a Bandeirantes e, por consequência, a apresentação do “Jornal da Noite”. Ele já está com tudo acertado para ser o âncora principal do “Rede TV News”, na Rede TV!, a partir da primeira quinzena de outubro.
A Band – e a alta direção da emissora – já foi comunicada sobre a saída do jornalista, e a Rede TV! já tem tudo acertado com ele. À coluna, Boris declarou que a saída “foi de comum acordo, da maneira mais amistosa possível”.
Boris estava cansado de trabalhar naquele horário, mas só tem elogios à Bandeirantes. “Uma casa maravilhosa para trabalhar”. Ele reforça que não tem queixa nenhuma da Bandeirantes.
Em comunicado oficial, a emissora reforçou que a não renovação do contrato foi de comum acordo e definiu o relacionamento com o jornalista como “uma ótima relação profissional”. “O jornalismo da Band produziu ótimos resultados com o Boris e foi um prazer trabalhar com ele”, afirmou na nota o diretor de jornalismo da Band, Fernando Mitre.
Também no comunicado, Boris aproveitou para agradecer à Bandeirantes: “Foi um período fértil na minha vida profissional. A Band, com seu apoio e sua confiança, me proporcionou condições de trabalho que permitiram realizar um bom projeto. Só tenho a agradecer”.
Consultada, a RedeTV! informa que “só irá se manifestar sobre o assunto após o encerramento do contrato do Boris Casoy com a Band”.
O substituto do Boris no “Jornal da Noite”, até segunda ordem, será o Antonio Pétrin, que já é da casa, saiu do esporte para o jornalismo e sempre fez as folgas do titular.
Boris Casoy estreou na TV em 1961, como repórter da TV Tupi. O jornalista também teve passagens pelo SBT e pela Record, de onde saiu em 2005. Ele estava na Band desde o começo de 2008.

UOL

 

Cobertura das eleições: TSE vai divulgar boletins de ocorrências a cada duas horas

A Assessoria de Comunicação (Ascom) do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) informa que no dia 2 de outubro, data do primeiro turno das eleições municipais, boletins com as principais ocorrências oriundas dos estados, com informações sobre o número de urnas substituídas, prisão de eleitores e candidatos pela prática de crime de boca de urna, dentre outras, serão divulgados à imprensa a cada duas horas. O primeiro boletim está previsto para ser divulgado às 8h.
Coletivas
Na manhã do dia 2 de outubro, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministro Gilmar Mendes, irá a São Paulo para acompanhar a realização da auditoria de funcionamento das urnas eletrônicas. A auditoria começa às 8h na sede do Tribunal Regional Eleitoral do estado.
Na prática, essa auditoria consiste em realizar uma votação paralelamente à votação oficial, a fim de comprovar que o voto digitado pelo eleitor na urna eletrônica é exatamente o mesmo que foi escrito em uma cédula de papel e em um terminal de apuração independente. Tudo é feito em um ambiente filmado e fiscalizado. O objetivo final é que seja comprovada a coincidência entre os resultados obtidos nos boletins de urna e os dos relatórios emitidos pelo sistema de apoio à votação paralela e entre as cédulas da auditoria de funcionamento das urnas eletrônicas e o registro digital dos votos apurados.
Ás 9h30, ainda em São Paulo, o ministro concederá entrevista coletiva à imprensa, na sede do TRE-SP. Já em Brasília, outras duas coletivas do presidente do TSE estão previstas para ocorrer às 12h30 e às 20h00, ambas no Auditório I, do edifício-sede do TSE. Com exceção da coletiva concedida em São Paulo, as entrevistas serão transmitidas ao vivo pela TV Justiça, pelo canal do TSE no Youtube e pelo Periscope, aplicativo do Twitter para a transmissão de vídeos em tempo real.
Durante todo o dia, os ministros do TSE estarão à disposição para a prestação de esclarecimentos acerca do pleito.

JC/TC

Igreja de Natal aguarda a chegada do Núncio Apostólico no Brasil

Natal - No período de 1º a 3 de outubro, o Núncio Apostólico no Brasil, Dom Giovanni D'Aniello, estará na Arquidiocese de Natal.
Na ocasião, o religioso vem pela primeira vez à Igreja da capital potiguar a convite do Arcebispo Dom Jaime Vieira Rocha.
Dom Giovanni desembarca em Natal no próximo sábado, no período da tarde. No mesmo dia, realiza uma visita à Pedra do Rosário, Igreja Matriz de Nossa Senhora da Apresentação (antiga Catedral), Catedral Metropolitana e Seminário de São Pedro.
Na manhã de domingo, 2, o Núncio irá até o Mosteiro de Santa Teresinha e Nossa Senhora do Sorriso, em Emaús, e à comunidade de Cunhaú, em Canguaretama, local onde aconteceu o martírio, em 1645.
Às 17h, Dom D'Aniello celebrará uma Santa Missa, no Santuário dos Mártires, situado no bairro de Nazaré.
Por fim, no dia 3, às 9h, o Núncio Apostólico no Brasil se dirige à Comunidade Rio Potengi, em Natal, onde presidirá uma missa. Mais tarde, às 17h, fará outra cerimônia, na Comunidade de Uruaçu, em São Gonçalo do Amarante, encerrando assim a Festa dos Mártires.
Dom Giovanni D'Aniello
Italiano, ordenado sacerdote em 8 de dezembro de 1978, é ainda doutor em Direito Canônico. Ingressou no Serviço Diplomático da Santa Sé, em 1983, tendo desempenhado a sua atividade junto às Representações Pontifícias do Burundi, Tailândia e Líbano.
No dia 10 de fevereiro de 2012, o Papa Bento XVI o nomeou Núncio Apostólico no Brasil. A sede da Nunciatura Apostólica está localizada em Brasília, no setor das embaixadas.
O que faz um Núncio Apostólico?
Como legado do Romano Pontífice, representa o papa junto às Igrejas particulares (arquidioceses, dioceses e prelazias) e aos Estados e autoridades públicas. Além disso, é considerado o embaixador do Estado do Vaticano.
A principal missão do Núncio Apostólico é tornar sempre mais consistentes e eficazes os vínculos de unidade entre a Sé Apostólica e as Igrejas particulares.
Também tem o encargo de promover e estimular as relações entre a Santa Sé e as autoridades, tratando das questões concernentes às relações entre a Igreja e o Estado. (LMI)

Com informações Arquidiocese de Natal


Eleições 2016: mais de 78% das urnas eletrônicas já estão prontas para serem usadas no dia 2 de outubro

No dia 2 de outubro, mais de 144 milhões de eleitores vão às urnas para a escolha dos novos prefeitos, vice-prefeitos e vereadores de 5.568 municípios. Para que todos possam votar com tranquilidade e segurança, a Justiça Eleitoral trabalha intensamente para deixar tudo pronto no dia do pleito. Neste ano, serão utilizadas cerca de 550 mil urnas eletrônicas distribuídas nas 457.445 seções eleitorais de todo o país. Desse número, 121 seções são destinadas para o voto de presos provisórios e adolescentes internados.
Até o presente momento, 78,64% das urnas eletrônicas que vão ser usadas no pleito já estão prontas. Isso significa que elas já foram carregadas com os dados dos eleitores que votam em cada seção e dos candidatos que concorrerão no pleito (nome, partido, foto, cargo para o qual concorrem e número). Esse procedimento, chamado de carga das urnas eletrônicas, é de responsabilidade dos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs).
Alguns estados já finalizaram o procedimento. É o caso do Acre, Alagoas, Espírito Santo, Mato Grosso do Sul, Roraima e Santa Catarina. Outros estão bem próximos de finalizar o processo: Rio Grande do Sul (99%), Mato Grosso (98,49%), Rio Grande do Norte (93,24%), Paraíba (91,13%), Rio de Janeiro (88,07%), Pernambuco (87,43%), Rondônia (87%), Piauí (84,60%) e Pará (84,03%).
Urnas de contingência
Das 550 mil urnas eletrônicas que vão ser usadas nas eleições deste ano, 48.844 são de contingência, isto é, estarão à disposição da Justiça Eleitoral caso algum equipamento precise ser substituído durante o processo de votação. O estado com o maior número de urnas eletrônicas de contingência é São Paulo, com 7.755. Na sequência, aparecem: Paraná, com 4.206; Minas Gerais, com 3.862; Santa Catarina, com 3.403; e Rio de Janeiro, com 3.233. Outras 4.842 urnas vão ser utilizadas nas mesas receptoras de justificativa. Do total de urnas usadas no pleito, 12,26% são de contingência e 1,27% (4.842) atendem às mesas de justificativa.
Procedimento de carga
A carga ou preparação das urnas eletrônicas deve ser feita em sessão pública, com prévia convocação dos fiscais dos partidos e coligações para a assistirem e procederem aos atos de fiscalização. Após a geração de mídias, ocorre o procedimento de carga, que significa transferir para as urnas os dados inseridos nos cartões de memória. As memórias de votação ficam em compartimento lacrado na urna e guardam as informações da votação. Por fim, a memória de resultado é aquela na qual, após o fechamento da seção, é gravado o resultado da votação e enviado para a totalização.
As atividades podem ser acompanhadas por representantes de partidos, coligações, Ministério Público e Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). O processo marca o fechamento do sistema de registro de candidaturas. Segundo a legislação, irão para as urnas os dados dos candidatos com os registros deferidos e também os indeferidos com recurso, pois até a decisão final do processo, estes ainda estão aptos a fazer campanha.
JC/LC
Assessoria de Comunicação

PF abre inquérito sobre propinas da Odebrecht em obras; Estação de Tratamento do Baldo na lista

A Polícia Federal abriu novo inquérito para apurar pagamentos de propinas da Odebrecht em outros contratos, além do que estavam sob investigação na Petrobrás pela Operação Lava Jato. O alvo são 38 negócios identificados nos registros de pagamentos do Setor de Operações Estruturadas da empresa – o chamado “departamento da propina” – nas apurações da 35ª fase, batizada de Operação Omertà, que prendeu nesta segunda-feira, 26, o ex-ministro Antonio Palocci.
O delegado da Polícia Federal Filipe Hille Pace, da equipe da Lava Jato, em Curitiba, resolvou nesta terça-feira, 27, abrir o novo inquérito. “Resolve: Instaurar Inquérito Policial para amparar as medidas de polícia judiciária decorrentes dada deflagração da 35° fase ostensiva da Operação Lavajato, batizada de “Omertà”, especificamente em relação ao núcleo de investigação objeto das medidas cautelares deferidas”, informa Pace, em seu despacho.
São apurados suposta prática dos crimes de corrupção ativa passiva, quadrilha, lavagem de capitais e de fraude
licitações. “Foram identificados diversos beneficiários de recursos ilícitos disponibilizados pelo Setor de Operações Estruturadas da Odebrecht”, informa o delegado.
Lista de obras
Na mira da PF estão 38 obras da empreiteira Odebrecht em todo o País e no exterior. Os empreendimentos foram destacados pelo delegado em relatório da Omertà, deflagrada nesta segunda-feira, 26, que teve como alvo central o ex-ministro Palocci (Fazenda e Casa Civil/Governos Lula e Dilma).
“Relaciono algumas das obras públicas e/ou consórcios e empresas indicadas no documento mencionado, repetindo que, por se tratarem de arquivos recuperados, estão parcialmente corrompidos, não sendo permitindo vincular diretamente as obras e/ou consórcios e empresas indicadas com os beneficiários encontrados e mencionados acima”, afirma.
ETE do Baldo
Inaugurada em 30 de março de 2010, a Estação de Tratamento de Esgotos Dom Nivaldo Monte, no Baldo, contou com um investimento de de R$ 84 milhões, financiados pela Caixa Econômica Federal. O equipamento, que coleta e trata esgotos de 21 bairros de Natal, a fim de despoluir o rio Potengi, foi inaugurado durante o governo Wilma de Faria, período em que o diretor-presidente da Caern era Walter Gasi.
2
Com informações do Estadão

Caravana leva empresários do turismo potiguar à Ruraltur 2016

Agência Sebrae
Apresentações culturais, visitas técnicas, palestras, exibição de destinos turísticos, rodada de negócios de artesanato e exposição de produtos do agronegócio são os atrativos da 12ª Feira de Turismo Rural (Ruraltur), que será realizada no período de 5 a 7 de outubro, em Juazeiro do Norte (CE). Para os empreendedores potiguares ligados ao setor interessados em participar do evento, o Sebrae no Rio Grande do Norte está com inscrições abertas para uma caravana destinada à feira. A caravana está programada para sair de Natal no dia 4, passando por Caicó e Currais Novos. Para se inscrever, basta ligar para 0800 570 0800. O valor é de R$ 360, que inclui transporte, hospedagem, café da manhã e acesso ao evento.
A Ruraltur tem o objetivo de alavancar o turismo rural e gerar renda para a produção associada ao turismo. Assim, vão estar reunidos no Cariri cearense, expositores divulgando e comercializando produtos e serviços de agências de viagens, meios de hospedagens, restaurantes e empresas ligadas ao trade turístico dos estados da região.
Na programação oficial, constam palestras como a de Mariano Villani, presidente da Associação Latino Americana de Turismo Rural e da socióloga, escritora e consultora especialista em desenvolvimento territorial e turismo rural, Tânia Zapata, além de apresentações de casos de sucesso como a Rota Verde do Café, do Maciço de Baturité, de turismo sustentável como o Geopark Araripe, ambos do Ceará, e de Lima Filho, presidente da Associação de Quadrilhas Juninas de Campina Grande, com o tema o “Quadrilhando”. Paralelamente, será realizado o Encontro Nacional de Lideranças do Turismo Rural.
O Cariri cearense está situado no sul do Ceará e é composto pelas cidades de Barbalha, Crato, Jardim, Juazeiro do Norte, Missão Velha, Porteiras, Santana do Cariri e Nova Olinda. A região conta com uma grande diversidade cultural e uma localização favorável, tanto climática quanto geográfica, graças à Chapada do Araripe, ao sopé da Floresta Nacional do Araripe (FLORA Araripe), primeira floresta nacional instituída no Brasil, em 1946.
Além disso, no território está o Geopark Araripe, o primeiro das Américas a ser reconhecido pela Unesco. Outras atrações da região são o Museu Paleontológico da Chapada do Araripe, o Parque Ecológico Riacho do Meio, o Horto- onde se pode visitar a Estátua de Padre Cícero, a Casa de ex-votos e Museu, além da Capela do Socorro, Museu da Rua São José, Central de Artesanato Mestre Nosa, Casa Grande – Memorial do Homem Kariri em Nova Olinda, Mercado da Cidade de Juazeiro do Norte, Santuário Franciscanos e o Pontal da Santa Cruz de Santana do Cariri.
De acordo com o gestor do Projeto Setorial de Turismo do Sebrae-RN, Yves Guerra, a ideia da caravana é dar a oportunidade de participação aos empreendedores do segmento do turismo rural no evento. São apenas 30 vagas e o pacote inclui: transporte, Hospedagem com café da manhã, seguro viagem, acesso à Ruraltur, estande coletivo do RN e guia Regional. Saída está prevista para às 8h da sede do Sebrae, com paradas em Currais Novos e Caicó.


Mãe de Wesley Safadão tem candidatura a vice-prefeita cassada no Ceará

O Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) cassou, nesta quarta-feira, a candidatura de Maria Valmira Silva de Oliveira (PR), mãe do cantor Wesley Safadão, que tenta a reeleição como vice-prefeita de Aracoiaba. Seu companheiro de chapa, o prefeito Antônio Cláudio (PSDB), também foi atingido pela decisão, que determinou ainda a inelegibilidade dois por oito anos.
A juíza Cynthia Nóbrega Pereira F. Thomáz, da 67ª zona eleitoral, considerou com abuso de poder econômico e político uma distribuição de ambulâncias realizada em junho. Os equipamentos, comprados pela prefeitura, teriam sido anunciados como uma doação pessoal feita por Dona Bill, como a vice-prefeita é conhecida. A decisão também afirma que a divulgação da entrada configurou propaganda eleitoral.
Em sua página no Facebook, o prefeito Antônio Cláudio criticou a decisão. “Será possível que trabalhar pelo nosso povo, melhorar os atendimentos de saúde no nosso sertão merece ser condenado e apeado da vitória?”, questionou.
  
Foto: O Globo


Justiça multa candidata e pastor que pediu voto a ela em culto evangélico

A Justiça Eleitoral de Campinas (a 93 quilômetros de São Paulo) multou, nesta semana, a candidata a vereadora Leonice da Paz (PMDB) e o pastor Thiago Sans em R$ 14 mil por propaganda irregular durante o culto em uma Igreja Assembleia de Deus Ministério Madureira. O religioso deve pagar R$ 8 mil e a candidata R$ 6 mil. Os dois já recorreram da decisão.
No último dia 10, o pastor foi filmado pedindo votos à candidata. No vídeo, Sans, que seria um dos líderes do ministério na cidade, divulga o número de Leonice ao pedir 15.444 orações — número da candidata – aos fiéis. Ele, inclusive, pede para os membros da igreja repetirem o número em voz alta. Em seu discurso aos fiéis, o pastor justificou sua atitude dizendo que, caso fosse eleita, ela seria representante das igrejas na Câmara.
“Quantas igrejas já perdemos, foram fechadas e lacradas porque não tivemos quem defendesse a nossa causa? Então, em função disso, Deus deu uma direção ao nosso líder, ao nosso pastor e neste ano, no dia 2 de outubro, nós já temos algo determinado por Deus e pela nossa liderança. Nós vamos daqui até lá fazer 15.444 orações. Diga 15.444”, disse o religioso, na ocasião. Depois, o pastor chamou a candidata para discursar. O caso foi denunciado pelo MPE (Ministério Público Eleitoral).
De acordo com a lei, o candidato pode assistir ao culto, mas é proibido de pedir votos ou fazer qualquer tipo de propaganda. No processo, Leonice argumentou que não pediu voto e que o pastor é o único responsável pelo ocorrido, já que ela não tinha controle sobre o que ele falaria e o fato aconteceu de forma isolada. Ela disse ainda que o discurso do pastor não configurou propaganda eleitoral.
Já o religioso, em sua defesa, negou a irregularidade e disse que “a conduta perpetrada não seria passível de sanção por ser mínimo o seu potencial lesivo, que somente seria punível em caso de abuso”.
Entretanto, para o juiz eleitoral Renato Siqueira de Pretto, as imagens do vídeo deixam evidente o esforço de promoção da candidata. “Há, como se vê, um conjunto de fatores que impede que não se enxergue um autêntico discurso de propaganda eleitoral”, escreveu o juiz na sentença.
Ainda segundo a sentença, Leonice é tão responsável quanto o religioso porque não apenas aplaudiu seu discurso, mas também usou o microfone para falar durante o culto. Na sentença, o juiz explicou que o valor da multa foi mais alto ao religioso porque ele “subverteu um ato religioso, fazendo do culto um comício. Ele ainda escreveu que o pastor “usou de sua autoridade para trazer os fiéis ao teatro, obrigando-os a repetirem o número da beneficiária”.
Lei
De acordo com a lei eleitoral, o candidato pode assistir ao culto, mas é proibido de pedir votos ou fazer qualquer tipo de propaganda. Segundo o artigo 37 da lei, é proibido propaganda de qualquer espécie em locais de uso comum, como cinemas, clubes, lojas, centros comerciais, templos, ginásios, estádios, ainda que de propriedade privada.
O descumprimento da lei pode gerar multa por propaganda irregular no valor de R$ 2.000 a R$ 8.000. O TRE-SP (Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo), ressaltou, em nota, que é necessário que o Ministério Público ou partido/coligação apresente representação à Justiça Eleitoral para que o caso seja analisado e julgado pelo juiz eleitoral do município. “Caso uma das partes recorra da decisão proferida, o recurso é julgado pelo TRE-SP e, conforme o caso, posteriormente pelo TSE”, informou o comunicado.
Outro lado
Ao UOL, a candidata informou que seu advogado já recorreu da decisão por considerar que não houve propaganda, mas concordou que o pastor se animou um pouco em sua forma de se expressar. “Não houve má fé, ele não agiu premeditadamente, apenas se empolgou um pouco”, disse a candidata.
Ela também ressaltou que é evangélica e que está sempre nas igrejas, seja durante a campanha, seja fora de campanha. “Eu sou evangélica, eu estou sempre nas igrejas. Eu sempre ministro a palavra, mas nunca pedi votos. Eu conheço a legislação, jamais faria isso”, concluiu a candidata. O pastor não foi encontrado para comentar o caso.


Fonte: Uol



quarta-feira, 28 de setembro de 2016

Santana do Matos: Se vivo estivesse hoje Monsenhor, Monteiro completaria 88 anos

Símbolo de humildade e de espiritualidade na cidade de Santana do Matos Monsenhor José Edson Monteiro completaria 88 anos de idade nesta quarta-feira, dia 28 de setembro de 2016.
Filho da vizinha cidade de Fernando Pedroza, Foi ordenado sacerdote em 30 de novembro de 1952. Em 1953, assumiu a Paróquia de Santana, em Santana do Matos, função que desempenhou por 55 anos. Mesmo depois de emérito, continuou residindo em Santana do Matos.
Ele também foi prefeito do município de Santana do Matos por duas gestões: de 1968 a 1972 e de 1977 a 1982.
Monsenhor monteiro e considerado uma das figuras religiosas importantes do município e a data de seu aniversário merece ser lembrada pelos santanenses.
Ao ilustre e saudoso aniversariante, os parabéns do Portal fdamiaonotícias e o agradecimento por tudo de bom que este homem de fé deixou para a cultura e fé dos santanenses.

Coligação “RECONSTRUIR E AVANÇAR” visita mais uma comunidade



Depois de percorrer várias comunidades rurais, o candidato a prefeito Dr. Edivaldo Junior, juntamente com sua candidata a vice Alice de Assis, e candidatos a vereadores, da Coligação “RECONSTRUIR E AVANÇAR” estiveram na noite desta terça fera (27), realizando o penúltimo comício da coligação na comunidade de Coroas Limpas. Os eleitores e seguidores dos candidatos começaram a mobilização em frente ao comitê da campanha de onde saíram em carros para ouvir mais uma vez as propostas de Dr. Junior e candidatos a vereadores. Todos os candidatos foram muito bem recebido pela população local que estavam ali para dizer sim para Dr. Junior e Alice. Estiveram presentes os candidatos a vereadores da coligação. Também se fez presente o ex-prefeito Assis da Padaria que falou e levou sua mensagem, enfatizando que cada um dos eleitores de Dr. Junior seja um fiscal, pois estamos chegando na reta final e é muito importante que todos possam estar atentos (Disse Assis). Dr. Junior, agradeceu o apoio que vem obtendo em todas as localidades inclusive na comunidade de Coroas Limpas. Que já decidiu, está com Dr. Junior, está com a mudança. Ele também convidou a todos para se fazerem presente no último comício da campanha que acontecerá nesta quinta no conjunto Lavoisier Maia, onde pela última vez eles ouvirão as propostas e votarão consciente no próximo dia 2 de outubro.