APOIO

APOIO

terça-feira, 21 de junho de 2016

Jardim do Seridó: Funcionários são demitidos de emissora de Rádio porque declararam votar em pré-candidato

Sidney Silva - O que parece ser motivação política provocou a demissão de alguns funcionários da Rádio Cabugi em Jardim do Seridó/RN, nos últimos dias. Na manhã desta segunda-feira (20), por exemplo, o dono da emissora, Ângelo Fernandes, mandou avisar a Silvino Antônio e Cirilo, que não precisavam mais ir trabalhar. Há cerca de 1 mês, Magnos César já tinha sido demitido. Quem também está de aviso prévio é Djaine de Souza esposa de Emílio Alves que também está cumprindo aviso prévio.

Em contato com Silvino Antônio, o Blog Sidney Silva, foi informado que na semana passada, “Ângelo Fernandes, reuniu os funcionários para comunicar da candidatura de seu filho como vice na chapa encabeçada por DR. Anchieta e que não admitiria os funcionários votarem no candidato opositor, que não admitiria isso, mas, que poderiam continuar trabalhando desde que não trouxessem “política” pra dentro da rádio“, teria dito. 

Silvino disse a ele que “realmente não ira misturar uma coisa com outra“. Mas, no final de semana passado, Djaine, Silvino, Magnos e Cirilo foram para uma reunião com Amazan e ao final fizeram uma foto. Eles acham que a divulgação da foto fez o empresário Ângelo demiti-los. “Hoje ele mandou dizer a gente que não precisávamos mais ir trabalhar, fica claro, não é?“, disse Silvino Antônio.

Com isso, pelo menos 5 funcionários da Rádio Cabugi do Seridó foram demitidos nas últimas semanas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário