APOIO

APOIO

sábado, 19 de novembro de 2016

Câmara fria do Itep em Natal quebra e cadáveres são colocados no pátio

Tribuna do Norte: Quem trafegou pelas proximidades do Instituto Técnico-Científico de Polícia (Itep) entre a noite de quinta-feira (17) e a manhã desta sexta-feira (18) sentiu forte odor de cadáveres devido a um problema técnico no órgão. Desde ontem, a câmara fria que acondiciona os corpos está quebrada e, com isso, os cadáveres estão amontoados no pátio do órgão. O Itep promete solucionar o caso ainda nesta manhã.
Em nota, o Itep explicou que a empresa terceirizada que faz a manutenção da câmara fria foi acionada na quarta-feira (16) para realizar reparos e, durante o trabalho, ocorreu um curto-circuito que danificou o equipamento. Por isso, foi necessário levar os corpos para o pátio e usar sacos de gelo para tentar evitar o avanço na decomposição dos cadáveres.
Ainda de acordo com o Itep, o tratamento dado aos corpos é o adequado, apesar do mau cheiro sentido na região, e a expectativa é que ainda nesta sexta-feira a situação seja solucionada. Até as 9h, no entanto, mais de 20 corpos continuavam no pátio do órgão.

Corpos em pátio do ITEP em Natal leva SINPOL a acionar vigilância sanitária

Na manhã desta sexta-feira (18), após a divulgação na imprensa da informação de que 27 corpos estariam fora da câmara fria, espalhados no chão do pátio e do necrotério, a diretoria do SINPOL-RN procurou a Vigilância Sanitária para que seja feita uma vistoria no local. 
 
Os diretores do Sindicato explicaram que, conforme consta nas denúncias, os corpos estariam espalhados pelo chão, com sacos de gelo em cima. “Esse tipo de situação coloca em risco a saúde dos servidores e da população que diariamente precisa dos serviços daquele órgão”, disse Renata Pimenta, diretora Jurídica do SINPOL-RN.
 
A Diretoria entregou um ofício aos representantes da Vigilância Sanitária solicitando que ainda nesta sexta-feira seja feita uma vistoria. 
 
“Nossa preocupação é que essa situação se propague ou volte a acontecer nos próximos dias, pois esta não foi a primeira vez. O ITEP já é um órgão altamente insalubre e casos como esse registrado nesta quinta-feira e manhã desta sexta-feira aumentam ainda mais os riscos. Além disso, temos um questão de dignidade das famílias das pessoas mortas que estão nessa situação”, justificou Renata.
 
Os representantes da Vigilância Sanitária receberam o ofício e informaram que a equipe de plantão seria acionada para realizar visita à sede do ITEP em Natal, na Ribeira.
 
Também na manhã desta sexta-feira, o presidente do SINPOL-RN, Paulo César de Macedo, esteve no ITEP para constatar a situação e cobrar da direção daquele órgão a resolução do problema.
 
Fonte: Sinpol-RN


Nenhum comentário:

Postar um comentário