APOIO

APOIO

sexta-feira, 19 de agosto de 2016

Mulher é morta com tiros na cabeça em Macaíba, na Grande Natal

Uma mulher de 21 anos foi assassinada na madrugada desta quinta-feira (18) em Macaíba, na Grande Natal. Natural da Paraíba, Andreza Diana de Freitas levou tiros na cabeça. Segundo a Polícia Militar, ninguém foi preso. Esta é sexta mulher morta no estado em uma semana.
De acordo com o sargento Danilo Moura Cavalcante, do 11º Batalhão da PM, o crime aconteceu pouco depois da meia-noite na rua Luiz Gonzaga, no Ferreiro Torto. "Como levou tiros na cabeça, a suspeita é de que tenha sido uma execução", disse.
A polícia ainda não tem informações sobre os criminosos e nem sobre a motivação do crime.
Feminicídio
A Polícia Civil também investiga cinco casos de mulheres assassinadas no estado, todas supostamente vítimas de crimes passionais. Mykaella Ruanna Pereira Fagundes, de 21 anos, Ana D'Ávila Gomes de Oliveira, de 47, Franciscris Silva Fernandes, de 24, Josefa Ferreira da Silva, 41 anos, e Naiara Régia Noemi da Silva, de 18, foram mortas a facadas ou a tiros nos últimos dias.
 No primeiro caso, a vítima foi a técnica em enfermagem Ana D'Ávila Gomes de Oliveira, de 47 anos, esfaqueada dentro de casa. Ela trabalhava como socorrista do Samu.o corpo dele tinha marcas de dois tiros no peito. Uma pistola foi encontrada ao lado do cadáver. Apontado como responsável pelo crime, o ex-companheiro Josinaldo Gomes da Silva.
A dona de casa Josefa Ferreira da Silva, de 41 anos morta a facadas. O crime aconteceu na cidade de São Rafael, de acordo com a Polícia Militar, Josefa foi assassinada na frente dos quatro filhos. O marido da vítima, um pescador de 46 anos, foi preso em flagrante.
 Na noite da quinta-feira (11), a vítima foi a diarista Mykaella Ruanna Pereira Fagundes, de 21 anos. Ela foi morta a tiros o ex-namorado dela, que é presidiário, é suspeito de ser o mandante do crime.
 A dona de casa Franciscris Silva Fernandes, de 24 anos, foi esfaqueada pelo próprio companheiro. O crime aconteceu sábado (13), no bairro Planalto 13 de Maio, na cidade de Mossoró. A mulher foi levada para o Hospital Regional Tarcísio Maia e submetida a uma cirurgia, mas não resistiu ao ferimento e faleceu na madrugada do domingo.



Nenhum comentário:

Postar um comentário